segunda-feira, 17 de julho de 2017


FACE DA DOR

Estive num lugar
Onde minha alma e meu coração
Jamais queriam estar
Quando nossos olhos se encontraram
E nossos braços em abraço
Aos prantos
Por segundos
Se entrelaçaram
Eu vi a verdadeira face da dor
Não há como explicar com palavras
E eu que tenho tanto enlace com elas
Emudeci e meu coração virou cinzas


Liz Rabello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você pode comentar...