sábado, 10 de outubro de 2015

PARA AMADA MARION BALERA...
 UMA GUERREIRA QUE ESTÁ DE VOLTA!
FORÇA INTERIOR

Pode o sol escurecer

Tempestades e trovões no céu ranger
Mares ferozes em ondas gigantes enfurecer
A orla calma se tornar vento voraz
A paz perder!


Pode a vida se esgotar
E de mim se retirar
A alma se entristecer
E eu ... Sozinha... Sozinha...
Só comigo mesma estar!

Há uma força interior
Ao som da música
E das letras de canções
Nada esquecido, tudo presente
Em meu ser nada ausente
Eu INTEIRA... Eis-me aqui!

Liz Rabello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você pode comentar...