quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015



NÓS DOS LAÇOS

Perdida no vazio das horas
Angústia de quem ama em vão
Cristais de sangue estilhaçados
rosas murchas em solidão!

Meu coração se fez em mil pedaços
E em cada corte se transmuta inteiro
porque você rasga os nós dos laços

costura estrelas, brilhas nos espaços!

Liz Rabello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você pode comentar...