quarta-feira, 11 de junho de 2014



Não me ache piegas por roubar-te
Que me perco em meu querer a ti dizer-te
É que na verdade coração não é mais meu
E teu somente é meu pulsar itinerante.

Liz Rabello

Um comentário:

Aqui você pode comentar...