quinta-feira, 30 de janeiro de 2014





ESCURO

 Pessoas ausentes
Vêm e vão
Transcendem
Nossa existência
Permanecem do
Outro lado do muro...

Por mais que busquemos
Brilham distantes
Faíscam sorrisos
Vagalumes eternos
Na noturna escuridão...
Fuga fugidia na neblina!

Há sempre uma ponte
Possibilidade de laços
União entre pedras
Ondas a revoltar
Buracos do infinito!
Acredito no escuro!

HÁ SEMPRE UMA PONTE ONDE É POSSÍVEL CRIAR LAÇOS DE UNIÃO ENTRE PEDRAS, BURACOS QUE NOS TRANSCENDEM PARA O INFINITO. ASSIM É COM PESSOAS AUSENTES, QUE SE MANIFESTAM EM NOSSA EXISTÊNCIA, PARA PERMANECEREM DO OUTRO LADO DO MURO... POR MAIS QUE BUSQUEMOS A UNIÃO, MAIS DISTANTES ESTÃO! SÓ QUE EU ACREDITO NO ESCURO!



Liz Rabello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você pode comentar...